Translate

quinta-feira, 16 de junho de 2016

ESFIHA

ESFIHA - ABERTA OU FECHADA A MASSA É A MESMA

Gente, eu fiz esta receita para o aniversário de minha filha. Amei!
A massa ficou leve e maravilhosa. 

Para o recheio das esfihas abertas, eu usei ricota caseira que já ensinei no blog. Veja a receita AQUI.
Já para o recheio das esfihas fechadas eu usei metade do recheio de ricota e acrescentei galinha desfiada. Para ser sincera, foi um pedaço de galinha guisada que sobrou do almoço e resolvi dar um sabor diferente às esfihas fechadas. A ricota absorveu o molho e tempero da galinha. Ficaram ótimas. 
Não importa o recheio, pode ser carne moída, frango, queijos, calabresa... O importante é que não seja líquido para não molhar a massa. Também não pode ser muito seco ou não irá ficar saboroso. Ele deve estar em uma consistência que dê para moldar e formar um montinho sem escorrer caldo. Uma boa dica é colocar o recheio em uma peneira para escorrer o excesso de caldo, se for o caso. Este truque não precisa ser empregado no recheio de ricota abaixo, pois fica na medida certa em termos de líquido.
INGREDIENTES:
MASSA:
  • 4 xi/chá de farinha de trigo ou um pouco mais
  • 1 sachê de fermento biológico seco (10 g) (aquele para pão)
  • 2 c/sopa de açúcar
  • ½ xíc/chá de azeite ou óleo
  • 1 xíc/chá de água
  • 1 c/chá de sal
  • farinha de trigo ou fubá para polvilhar
  • 1 gema de ovo para pincelar
RECHEIO DE RICOTA:
  • 300 g de ricota ou outro queijo branco (minas, coalho... )
  • 3 c/sopa de creme de leite
  • Salsa e cebolinha picada a gosto
  • 2 c/sopa de queijo ralado
  • 1 pitada de sal
  • ½ c/chá de fermento químico (aquele para bolo)
MODO DE PREPARO:
MASSA:
  1. Em uma vasilha coloque o fermento biológico, metade da água morna (½ xíc/chá) e o açúcar. 
  2. Deixe fermentar por 5 minutos.
  3. Adicione o restante da água, e o óleo.
  4. Junte a metade da farinha de trigo e mexa com uma colher.
  5. Misture o sal e o restante da farinha aos poucos. 
  6. Assim que a massa ficar pesada para a colher, passe a usar as mãos. Amasse até formar uma bola.
  7. Passe a massa para uma bancada enfarinhada com farinha de trigo ou fubá e trabalhe a massa até ficar homogênea e lisa. Dica: trabalhe como massa para pão: Com a palma da mão amasse e empurre a massa, enrole novamente e vai repetindo o movimento. De vez em quando vire a massa para amassar do outro lado. Sempre fazendo movimento de vai e vem.
  8. Cubra com um pano e deixe crescer por 20 a 30 minutos.
  9. Divida a massa ao meio e abra uma das metades com o rolo de massa.
  10. Corte rodelas iguais usando um cortador redondo ou uma xícara. Dica: eu usei uma xícara de chá com 8 cm de diâmetro interno. Você pode fazer tamanhos menores.
  11. Pré-aqueça o forno a 180º C. 
  12. Modele as esfihas.
  13. Para as esfihas abertas: faça a borda dando pequenos beliscões na massa de tal maneira que a borda fique ligeiramente mais elevada. Outra maneira é apertar o meio da massa com os dedos para que fique mais fina que a borda.
    Coloque-as em tabuleiro (assadeira) polvilhada com farinha de trigo ou fubá. Deixe descansar por 10 a 20 minutos.
    Coloque uma pequena porção do recheio de ricota no centro e espalhe com o auxílio de uma colher de chá.
    Dica: As esfihas abertas dispensam a pincelada com gemas para dourar. Eu achei que estavam com uma cor muito pálida e resolvi pincelar para dar um ar mais douradinho. Não é necessário, mas o aspecto ficou bem melhor.
  14. Para as esfihas fechadas: Coloque o recheio no meio da rodela de massa.
    Modele as esfihas formando um triângulo. Basta juntar duas bordas formando um cone (tipo casquinha de sorvete). Depois é só juntar a parte que ficou aberta formando um Y. 
    Aperte bem as bordas para fechar sem o risco de abrir. Um truque é umedecer levemente as bordas com água antes de aproximá-las. Não use muita água ou irá estragar a massa. 
  15. Coloque as esfihas em assadeira ou tabuleiro polvilhado com farinha de trigo. Não precisa untar o tabuleiro apenas polvilhar.
    Dica: Normalmente, as esfihas fechadas são colocadas no tabuleiro com a emenda da massa (fechamento) para baixo. Mas, como eu fiquei com medo que elas abrissem, deixei a emenda para cima. Acho que ficaram bem charmosas. 
  16. Pincele as esfihas com gema.
    Dica: As esfihas abertas dispensam a pincelada com gemas para dourar. Eu achei que estavam com uma cor muito pálida e resolvi pincelar para dar um ar mais douradinho. Não é necessário, mas o aspecto ficou bem melhor.
  17. Asse em forno pré-aquecido a 180° C até dourarem.
  18. Retire do forno e deixe sobre uma grelha até esfriar um pouco.
  19. Sirva quente, morna ou fria.
RECHEIO DE RICOTA:
  1. Coloque todos os ingredientes em uma vasilha.
  2. Misture tudo com uma colher. A consistência deve ficar pastosa, sem caldo.
  3. Prove o sal e acrescente um pouco se for necessário.
  4. Deixe em uma vasilha com tampa e guarda na geladeira até o momento de usá-lo.
  5. Use para rechear as esfihas.
Dica: Para a esfiha fechada, eu usei metade do recheio de ricota misturado com um pedaço de galinha guisada (sobra do almoço) que desfiei. 
Sugestões de outros recheios:
  • Carne moída (alcatra moída crua, temperada com cebola picadinha, tomate cortado em cubinho sal, pimenta-do-reino, salsa e cebolinha picada (ou hortelã), suco de limão. 
  • Frango desfiado
  • Frango com catupiry
  • Presunto e queijo
  • Cheddar, peperone e salsinha picada
  • Calabresa picada (junte cebola, salsa picada, pimenta-do-reino e outros temperos a gosto. Cuidado com o excesso a calabresa já é temperada)
  • Use recheio doce na esfiha aberta já assada. Coloque nutella, brigadeiro, brigadeiro branco, beijinho, ... Coloque sobre o recheio frutas (morango, uva, coco ralado, banana) na hora de servir. Ou enfeite com confeitos de açúcar ou chocolate.
RENDIMENTO: 13 esfihas abertas e 15 fechadas. Isto usando uma xícara de chá com 8 cm de diâmetro para cortar a massa.

Ai, que delícia!

Aberta ou fechada, não importa. Ambas são deliciosas.

A esfiha fechada ficou deliciosa com o acréscimo da galinha desfiada. 
Veja como ficou o recheio depois de assada.

Elas foram desaparecendo e reagrupando até não sobrar mais nenhuma. rsrsrsrsrsrs.

Espero que tenham gostado da receita de hoje. Eu adorei. 

Se você gostou, faça e compartilhe.
Bjssssssss.
BOM APETITE!!!
Obrigada pela visita. Um abraço carinhoso a todos.
                   Teresa Cintra

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Queridos visitantes deixem o seu comentário que irei responder o mais rápido possível.
Caso vocês fizerem alguma receita ou artesanato do meu blog, enviem as fotos para o e-mail: thecintra@gmail.com. Vou colocá-las na atualização do link correspondente.
Um forte abraço!