Translate

terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

RESTAURAÇÃO DE LUMINÁRIA EMBUTIDA NO TETO - ESTILO VITRAL

Temos em nossa sala de jantar uma maravilhosa luminária embutida no teto de gesso, tipo vitral. Trabalho da artista plástica, Marianne Peretti. Natural de Paris (França), a artista já morou em São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília e Olinda, onde terminou fixando residência. Extremamente criativa na arte dos vitrais, Marianne atendeu prontamente ao pedido de nosso arquiteto, Romero Duarte e elaborou um lindo projeto para a iluminação de nossa sala de jantar. Foi paixão à primeira vista e de pronto encomendamos a luminária, bem antes da definição e instalação do teto de gesso.
restauração de luminária de ferro esmaltado; faça você mesmo; obra em forma de luminária; reforma em casa; manutenção do lar; manutenção da casa; tirando ferrugem de luminária; tirando ferrugem de peças de ferro esmaltado.
Este lustre/luminária vitral foi incorporado ao gesso da sala ficando praticamente rente com o mesmo. Ele forma um quadrado com 1,50 metros de cada lado.
restauração de luminária de ferro esmaltado; faça você mesmo; obra em forma de luminária; reforma em casa; manutenção do lar; manutenção da casa; tirando ferrugem de luminária; tirando ferrugem de peças de ferro esmaltado.
Instalado praticamente há 10 anos atrás, continua moderno e atualizado. 
Mas, como tudo, o tempo deixa suas marcas e danos. É preciso cuidar para poder preservar e manter por mais tempo. 

Infelizmente, mão-de-obra especializada neste tipo de serviço é restrita e muito cara. Os preços que orçamos estavam bem além do nosso orçamento. Crise financeira do país e do mundo direto para o nosso bolso. 
Resolvemos fazer a manutenção nós mesmos. Eita dupla de coragem e ousadia, eu e meu marido. Rsrsrsrsrsrsrs. Depois do friozinho inicial na boca do estômago, a coragem tomou conta, arregaçamos as mangas e colocamos as mãos pra trabalhar. 
As firmas que fizeram os orçamentos iniciais, indicavam o uso de pistola para a pintura. Mas, como a área em questão é grande (1,50 m x 1,50m), fica no teto da sala de jantar, sala aberta para outros espaços da casa com muitos móveis e objetos difíceis de serem relocados, optamos por usar pincel para a parte interna da luminária e um rolinho de espuma para a parte externa. Isto tudo, agravado ao fato que a pistola (como nas pinturas com spray) deixa várias partículas de tinta em suspensão. Partículas que irão, lentamente, depositarem nos móveis, paredes, chão, tapetes e objetos decorativos. Definitivamente o uso da pistola ou tinta spray estava fora de cogitação.
Contratamos apenas um eletricista para revisar e reparar a parte elétrica. Algumas lâmpadas, mesmo após serem trocadas, não acendiam ou ficavam piscando. A fixação das lâmpadas e fios também precisavam de revisão, estavam aparecendo pelo vidro fosco. Achamos que não valia a pena economizar no quesito segurança e chamamos um eletricista. 

Querem ver como fizemos? Então, bora ver os materiais e o passo-a-passo.
MATERIAL NECESSÁRIO:
  • Lixa d'água 400 ou escova de aço
  • Tinta esmalte branca à base de água
  • Convertedor de ferrugem
  • Escada e banqueta para subir
  • Pano de limpeza
  • Material de limpeza para lavar as peças de vidro do lustre
  • Pincel largo e fino para o convertedor
  • Pincel e rolinho de espuma para a tinta esmalte 
PASSO-A-PASSO: 
  1. Tire todos os móveis e tapetes (se houver) que estejam debaixo do lustre.
  2. Posicione a escada e monte um apoio para subir e ter acesso 'a luminária. Dica: Como eu não me sinto segura em cima de escadas, usei uma caixa de madeira que uso como baú.
  3. Com cuidado retire os vidros que compõem o vitral da luminária, um a um. Leve-os à área de serviço onde serão lavados e colocados para secar. Dica: Tenha alguém lhe ajudando para evitar de ficar descendo e subindo escada a cada vidro retirado. Coloque uma toalha ou lençol velho sobre o balcão da área de serviço para apoiar os vidros enquanto escorrem e secam. Ao final, com os vidros secos, se for necessário passe um limpa vidro ou álcool para retirar manchas residuais.
  4. Verifique o estado da estrutura de metal (ferro esmaltado) da luminária e sua fixação no teto. A luminária em questão, além de diversas traves com uma extremidade fundida na mesma e a outra fixa ao forro com parafuso galvanizado, possui vários pontos de amarração com fio de aço galvanizado. 
    Dica: Eu observei pontos de ferrugem na estrutura metálica da luminária, mas o mecanismo de fixação no teto estava bem conservado.
  5. Verifique a instalação elétrica e troque as lâmpadas queimadas. Teste para ver se todas as lâmpadas estão acendendo. Meu marido fez esta verificação. 
    Dica: Se mesmo trocando as lâmpadas, algumas não estão acendendo, chame um eletricista. O problema pode ser na instalação. Foi o que terminamos fazendo, alguns fios não estavam adequados ao tipo de iluminação usada.
  6. Limpe a estrutura da luminária com um pano levemente úmido. Apenas para tirar a poeira. Em seguida passe um pano seco. Durante todo o processo observe, mais uma vez, a estrutura metálica e sua fixação.
  7. Se necessário, lixe as áreas enferrujadas com a lixa ou escova de aço apenas para retirar o excesso de sujeira e ferrugem solta. Esta etapa é importante para deixar a superfície lisa e uniforme. Não precisa retirar toda a ferrugem, o produto usado fará isto por você. Não é mentira e nem mágica, mas é isto que irá acontecer. Onde não houver elevação da superfície não precisa lixar. Também não precisa retirar a pintura anterior. O trabalho será sobre a mesma. Dica: Lixe a pintura ao redor da ferrugem para expor aquela ferrugenzinha escondida debaixo da tinta solta.
  8. Passe um pano de limpeza em toda a área para retirar os resíduos lixados. 
  9. Em locais com ferrugem passe o convertedor de ferrugem com o auxílio de um pincel (estreito ou largo de acordo com a área a ser tratada. Dê duas demãos intercalando secagem. Este produto irá agir como fundo para a pintura e irá neutralizar a ferrugem.
    Dica: leia o rótulo do produto e siga as instruções de uso do fabricante. Eu usei o convertedor abaixo, mas existem outros no mercado. Pesquise.
    luminária de ferro esmaltado e vitrais; Marianne Peretti; pintura de luminária de teto; reforma casa; restauração de lustre de ferro; restauração de luminária; luminária de teto; manutenção de luminária; luminária embutida em teto de gesso; uso de convertedor de ferrugem
  10. Assim que o convertedor estiver seco passe a primeira camada de tinta esmalte à base de água. Use pincel para as áreas estreitas e rolinho de espuma para as partes mais largas e externas. Dica: Cuidado com o excesso de tinta para não escorrer e não acumular nos cantos onde os vidros serão colocados.
  11. Deixe secar bem e passe a 2ª demão de tinta. 
    restauração de luminária de ferro esmaltado; faça você mesmo; obra em forma de luminária; reforma em casa; manutenção do lar; manutenção da casa; tirando ferrugem de luminária; tirando ferrugem de peças de ferro esmaltado.
  12. Após secar a 2ª demão de tinta, observe se há necessidade de mais uma demão.
  13. Espere a tinta secar bem e recoloque os vidros na luminária. É como um grande mosaico. Cada vidro tem o seu espaço certo.
    restauração de luminária de ferro esmaltado; faça você mesmo; obra em forma de luminária; reforma em casa; manutenção do lar; manutenção da casa; tirando ferrugem de luminária; tirando ferrugem de peças de ferro esmaltado.
Prontinho! Serviço terminado.
restauração de luminária de ferro esmaltado; faça você mesmo; obra em forma de luminária; reforma em casa; manutenção do lar; manutenção da casa; tirando ferrugem de luminária; tirando ferrugem de peças de ferro esmaltado; tira ferrugem;
restauração de luminária de ferro esmaltado; faça você mesmo; obra em forma de luminária; reforma em casa; manutenção do lar; manutenção da casa; tirando ferrugem de luminária; tirando ferrugem de peças de ferro esmaltado; tira ferrugem;
restauração de luminária de ferro esmaltado; faça você mesmo; obra em forma de luminária; reforma em casa; manutenção do lar; manutenção da casa; tirando ferrugem de luminária; tirando ferrugem de peças de ferro esmaltado; tira ferrugem;
Se durante o dia a luminária chama a atenção, à noite é um deslumbre. 
restauração de luminária de ferro esmaltado; faça você mesmo; obra em forma de luminária; reforma em casa; manutenção do lar; manutenção da casa; tirando ferrugem de luminária; tirando ferrugem de peças de ferro esmaltado; tira ferrugem;
restauração de luminária de ferro esmaltado; faça você mesmo; obra em forma de luminária; reforma em casa; manutenção do lar; manutenção da casa; tirando ferrugem de luminária; tirando ferrugem de peças de ferro esmaltado; tira ferrugem;
Agora é só chamar os amigos e comemorar.
restauração de luminária de ferro esmaltado; faça você mesmo; obra em forma de luminária; reforma em casa; manutenção do lar; manutenção da casa; tirando ferrugem de luminária; tirando ferrugem de peças de ferro esmaltado; tira ferrugem;
Não é um trabalho difícil, mas é demorado e requer bastante atenção e cuidado. Ter alguém ajudando é indispensável. Caso você tenha facilidade com pinturas e trabalhos artesanais, provavelmente não terá dificuldades. Mas, se você não tem prática, talvez seja o caso de arriscar em algo menor, tanto em tamanho como em valor.
luminária de ferro esmaltado e vitrais; Marianne Peretti; pintura de luminária de teto; reforma casa; restauração de lustre de ferro; restauração de luminária; luminária de teto; manutenção de luminária; luminária embutida em teto de gesso; uso de convertedor de ferrugem
Por hoje é só. Até a próxima postagem que pode ser artes, guloseimas ou companhia (viagens, passeios, dicas, reformas, ...).
Beijocas a todos os amigos e visitantes.
Para quem se animar: 

BOA SORTE e SUCESSO NOS TRABALHOS!

Obrigada pela visita!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Queridos visitantes deixem o seu comentário que irei responder o mais rápido possível.
Caso vocês fizerem alguma receita ou artesanato do meu blog, enviem as fotos para o e-mail: thecintra@gmail.com. Vou colocá-las na atualização do link correspondente.
Um forte abraço!